Categoria: Internacionais

Nova York, 21 de Julho de 2004 – Acordo entre o banco e os investidores da WorldCom foi aprovado. O acordo extra-judicial, pelo qual o Citigroup pagará US$ 2,65 bilhões para solucionar uma ação que lhe foi movida pelos investidores da WorldCom, a respeito da subscrição de títulos da companhia telefônica de longa distância, obteve na segunda-feira a aprovação preliminar de um tribunal, informou o representante do grupo de investidores.

A juíza de primeira instância, Denise Cote, concedeu a aprovação ao acordo entre o Citigroup e os investidores da WorldCom, que meses atrás saiu da concordata com o nome de MCI, disse em uma declaração o Controlador da Moeda do Estado de Nova York, Alan Hevesi. Mais de dez outros bancos de investimentos que subscreveram os títulos da WorldCom serão julgados em janeiro do próximo ano. Hevesi é o síndico da massa falida do Fundo Comum de Pensões do Estado de Nova York, e representou os autores nas ações que eles moveram contra os ex-executivos, bancos e contadores da WorldCom.

Fundos setoriais

Os fundos setoriais de telecomunicações acompanhados diariamente pela InvestNews mantêm-se em alta no mês com variação superior ao referencial. Até o dia 16, a categoria ganha 6%, enquanto o Índice Setorial de Telecomunicações (Itel) sobe 3,83%. A vantagem que era de 1,57 pontos, sobe para 2,17 pontos percentuais. Na sexta-feira, os fundos registraram valorização de 1,89%, enquanto o parâmetro subiu 1,33%. O patrimônio líquido da categoria, constituída por ações de empresas de telecomunicações listadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), contabilizou R$ 100,602 milhões no dia 16.

Já as carteiras setoriais de energia superam a alta do referencial em 2,99 pontos percentuais em julho. Na apuração anterior, a vantagem era de 1,07 ponto percentual. Até o dia 16, o setor rendeu 11,09%, ante alta de 8,1% do Índice de Energia Elétrica (IEE). Na sexta-feira, as carteiras operaram com ganho de 3,67%, e o índice em alta de 1,92%.

O patrimônio líquido de setor, constituído por ações de empresas de energia listadas na bolsa paulista, contabilizou R$ 66,015 milhões em recursos no dia 15.

Data de publicação: 21/07/2004
Fonte/Autor: Gazeta Mercantil – 21.07.2004

Sem Comentários para“Worldcom – Citi terá que pagar US$ 2,65 bi”

Faça seu Comentário